Páginas

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Judoca Rafael Silva amanhã em Jales

 
Rafael Silva, mais conhecido como Baby, é um dos principais nomes do judô brasileiro. O judoca, que acumula diversas conquistas no currículo estará em Jales nesta terça-feira, 21 de novembro, das 9h30 às 11h30 e das 20h às 22 h, pelo projeto Roteiro Esportivo do SESI com apoio da Prefeitura de Jales que tem como objetivo aproximar o público dos grandes ídolos do esporte brasileiro.
A apresentação de Baby será no Ginásio Municipal de Esportes Waldemar Lopes Ferraz. A expectativa é de um bom público e, espera-se, que não façam como a vinda de Fofão a Jales, quando as figuras importantes fizeram selfie com a atleta, enquanto aqueles que ajudaram a fazer o espetáculo com a sua presença, ficaram na arquibancada sem se aproximar do ídolo ou mesmo tirar uma foto, para guardar de lembrança.

Jales será palco da 24ª Mostra Escola Livre de Teatro entre os dias 25 a 30 de novembro



 

Realizada por meio do Ponto de Cultura Escola Livre de Teatro de Jales, a 24ª Mostra Escola Livre de Teatro contará durante seis dias com uma programação artística de seis espetáculos, tendo ainda a oferta de atividades formativas, de discussão e bate papo acerca da ação cênica, difusão e formação.

O evento, que ocorre com apoio da Prefeitura Municipal de Jales, visa apresentar o teatro, que além de ser uma atividade de lazer, é também uma opção de compartilhamento entre os trabalhos a serem apresentados e o reconhecimento profissional do fazer cultural cênico.

Para a edição 2017, a organização propõe a continuidade da Mostra, utilizando como tema gerador a “Revolução”. Tal conceito propõe uma investigação e experimentação da ação teatral como ferramenta de transformação. “Acreditamos na transformação do meio pela arte, mas, sobretudo na transformação do indivíduo”, declarou Higor Mariano Arco, diretor executivo da Mostra e professor da Escola.

Buscando ampliar e potencializar a qualidade artística do evento, a organização buscará parcerias juntos a instituições culturais, como feitos na Mostra do ano anterior.  

 O público poderá adquirir ingressos individuais para cada espetáculo, pelo valor de R$ 8,00 com a opção de acompanhar a apresentação dos seis espetáculos com permanentes que estarão à disposição pelo valor de R$ 15,00. Receberão as apresentações o Teatro Municipal de Jales e Praça Jerônimo Amadeu.

A 24ª Mostra Escola Livre de Teatro é uma realização da ECCART – Associação Espaço Cidadania, Cultura e Arte e Ponto de Cultura Escola Livre de Teatro de Jales.

Medicina Preventiva realiza palestra sobre Depressão e Ansiedade

Evento também marcou o encerramento da turma do Grupo Equilíbrio e Saúde
 
A Medicina Preventiva da Unimed Andradina realizou nesta quinta-feira, 16, palestra sobre Depressão e Ansiedade para os grupos Equilíbrio e Saúde e Saúde em Dia, ambos coordenados pela equipe multidisciplinar da cooperativa. A convidada para falar aos participantes foi a Psiquiatra, Dra. Fernanda Serizawa.
Durante a conversa foram abordados temas como o que causa a depressão e ansiedade, o que podemos fazer para nos ajudar, a importância da psicoterapia e o tratamento dessas patologias. “Esse é um assunto que está sempre em alta, precisamos alertas as pessoas sobre os sinais e como elas podem buscar ajuda”, ressaltou a psiquiatra.
Ao término da palestra foi realizado o encerramento da turma do Grupo Equilíbrio e Saúde, com a avaliação final e entrega de certificado de participação.
Medicina Preventiva
A Medicina Preventiva é um grupo multidisciplinar, composto por Nutricionista, Psicóloga, Enfermeira e Médica, além do apoio de médicos cooperados convidados.
Todas as atividades são desenvolvidas nos grupos: Amor Pleno, para gestantes, Equilíbrio e Saúde, para portadores de doenças crônicas, Vida Leve, para emagrecimento, Saúde em Dia (Educação em Diabetes), Planejamento Familiar, para quem tem interesse em realizar procedimentos contraceptivos definitivos.
Para fazer parte de nossos grupos entre em contato com a Medicina Preventiva pelo telefone: 3702 4000 ramal 4040 ou 4031.


sábado, 18 de novembro de 2017

INTERNACIONALCatanduva se prepara para sediar Copa Mundial de Tênis Feminino

 
Competição, que vale pontos no ranking da WTA (Associação de Tênis Feminino) e que tem início no próximo sábado (25), com a
realização do qualifying, reúne tenistas do Brasil, da Argentina, dos Estados Unidos e de Trinidad e Tobago no Clube de Tênis de Catanduva 
 
(Catanduva-SP) - A cidade de Catanduva vai "respirar" tênis a partir do próximo sábado (25). É que vai começar a Copa Mundial de Tênis Feminino do Noroeste Paulista Etapa B, que vai reunir tenistas brasileiras, da Argentina, dos Estados Unidos e de Trinidad e Tobago, no Clube de Tênis de Catanduva. A fase classificatória, também conhecida como qualifying acontece entre os dias 25 e 26, sendo que a chave principal tem início no dia 27 (segunda-feira). A competição vale pontos no ranking da WTA (Associação de Tênis Feminino). A final está marcada para o dia 3 de dezembro (domingo).
 
Entre as atletas confirmadas está a paulistana Nathaly Kurata, 24 anos, campeã neste ano dos torneios futures, em Campos do Jordão e São José dos Campos, e que será a cabeça de chave número 1. Eduarda Piai, de Marília, e Erika Drozd Pereira, de Jundiaí, serão as cabeças 2 e 3, respectivamente. A catanduvense Caroline Furlaneto vai disputar o quali. Da argentina estão confirmadas na chave principal as tenistas Carla Lucero e Sofia Luini, enquanto que Yolande Leacock será a representante de Trinidad e Tobago. Os Estados Unidos vai contar com Jane Wasserson (na chave principal), além das irmãs Zora e Althea Hudson na fase classificatória.  
 
A Copa Mundial de Tênis Feminino do Noroeste Paulista Etapa B acontece através da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte do Governo do Estado de São Paulo/Secretaria do Esporte, Lazer e Juventude, a organização é da  organização é da Associação Desportiva Ateneu Mansor. Os patrocínios são da Usina Colombo Açúcar Caravelas, Levity e Cozimax. O torneio conta com o apoio  do Clube de Tênis de Catanduva, Correios,  Federação Internacional de Tênis, da Confederação Brasileira de Tênis e da Federação Paulista de Tênis. 

Hospital do Amor: “Ação entre amigos” da AVCC Jales e Rotary arrecada mais de R$ 300 mil para compra de Arco Cirúrgico

 
 A Associação de Voluntários de Combate ao Câncer (AVCC) de Jales realizou nesta quinta-feira, 16 de novembro, o sorteio da "Ação entre amigos" que tinha como prêmio um MPLafer. A ação aconteceu durante esse ano e contou com o apoio do Rotary Club Grandes Lagos de Jales em prol do Hospital de Amor (HA) Unidade de Jales.

O evento contou com a presença de voluntários da AVCC, membros do Rotary Clube de Jales e região, além de pacientes e acompanhantes que vieram para conferir o resultado.

Durante a cerimônia a presidente da AVCC Cidinha Iglesias, agradeceu todas as parcerias e o grande envolvimento do Rotary, na obtenção do resultado final das arrecadações, que foi de 302 mil reais, que serão acrescidos no valor da compra do Arco Cirúrgico, que custa aproximadamente 185 mil dólares, o que chega a ser quase 700 mil reais. A compra do arco faz parte do projeto na qual o Rotary Clube Grandes Lagos está desenvolvendo em prol do Hospital de Jales.

A presidente também agradeceu o doador do carro, Américo Adalberto L. Guimarães, de Nova Odessa, que por intermédio do coordenador de leilão de Palmeira d’ Oeste, destinou o MFlafer para a AVCC. "Agradeço ao Valdir por ter se lembrado de nós, e pelo doador, o senhor Américo Adalberto L. Guimarães, de Nova Odessa pela expressiva doação", afirmou Cidinha.
 
 
Para a gerente administrativa do Hospital de Amor (HA), Camila Venturini, "essa é mais uma expressiva doação que a AVCC e o Rotary estão fazendo, expresso minha gratidão e reconhecimento pelo trabalho que essas ONG´s tem feito em prol do hospital", finalizou Camila. O número sorteado foi 25.120 e a ganhadora foi a Juliana Mastelari, que por um acaso é uma das voluntárias da AVCC. "Ficamos felizes em saber que a ganhadora foi uma de nossas voluntárias, sabemos o quanto ela se empenha e nos ajuda aqui na entidade", finalizou Cidinha.


Padre Luciano Ramos assume assessoria da Pastoral da Saúde Diocesana

A Pastoral da Saúde da Diocese de Jales, acolheu seu novo assessor diocesano, Padre Luciano Ramos da Natividade, no Encontro Diocesano de Formação para Agentes da Pastoral da Saúde, realizado no dia 5 de novembro, na Escola Vocacional em Jales.

O encontro que reuniu mais de 100 agentes, foi conduzido pelo Professor Doutor José Martins Pinto Neto, docente na FEF e na Universidade Brasil (Campus Fernandópolis), que palestrou sobre os Conselhos Municipais de Saúde Pública, que é a terceira dimensão da pastoral - Político-Institucional e também conduzido pelo biólogo Irlan Junior Azevedo, que palestrou sobre as ervas medicinais.

O novo assessor da pastoral é formado em psicologia, e aproveitou para contribuir também com a formação dos agentes. "A Pastoral da Saúde tem o desafio de estar comprometida em garantir ou fortalecer, o Sistema Único de Saúde (SUS), uma vez que está limitado em verbas e a perigo no seu custeio e no seu financiamento, por outra parte quer também fortalecer sempre a formação de novos agentes comunitários. Atuamos hoje buscando obedecer três dimensões: A primeira delas a dimensão da assistência solidária com a pastoral hospitalar, depois a dimensão de comunidade, propiciando campanhas e uma medicina mais preventiva. Um terceiro ponto é a luta pelas políticas públicas de saúde, pois lamentavelmente estão sofrendo muito ", afirma padre Luciano.

Na ocasião o Padre Luciano foi apresentado e acolhido como o novo assessor diocesano da Pastoral da Saúde.

"Dou graças a Deus de poder contribuir agora de modo mais amplo com esta querida Pastoral da Saúde na Diocese de Jales que a meu ver é muito urgente e necessária e neste intuito quero me colocar mais próximo aos doentes e levar a eles amor fazendo acontecer a vontade de Deus. Agradeço a Dom Reginaldo e a todo clero por ter me escolhido para esta nobre e tão desafiadora missão. Conto com o apoio e a oração de todos", declarou. (por Edivaldo Mella Janasco).

Lançamento do Residencial “José Rodrigues” foi um sucesso




Com a presença do prefeito municipal Flávio Prandi Franco e do vereador João Valeriano Zanetoni, representando o Poder Legislativo, numa manhã de muita alegria e otimismo, ocorreu na quarta-feira, 15 de novembro (feriado nacional), o lançamento do Residencial "José Rodrigues". 

O empreendedor Riva Rodrigues e esposa Lara Faria recepcionaram os convidados e representantes de vários segmentos da comunidade.

O novo empreendimento conta com 135 lotes, dos quais, para surpresa de seus idealizadores, 100 foram vendidos antes mesmo do lançamento e está localizado paralelo ao Bosque Municipal Aristóphano Brasileiro de Souza, o "pulmão" verde da cidade.

O empresário Riva Rodrigues salientou a sua ousadia nesse empreendimento ao dizer que "aquela região da cidade estava em parte desacreditada na visão de investores".

Enfatizou ainda, que o novo loteamento veio contribuir para a valorização daquele lado da cidade o que "poderá incentivar outros proprietáros de terrenos ali existentes a fazer o mesmo, contribuindo assim pelo desenvolvimento da cidade".

O diretor da R9 Empreendimentos destacou a satisfação e a importância das parcerias para que "este empreendimento viesse a acontecer e o nosso sonho realizado".

Maria Antônia Rodrigues, se dirigindo aos presentes em nome da família Rodrigues, fez um breve resumo da chegada de seus pais a Jales no ano de 1.967 adquirindo uma propriedade rural, onde trabalhou com a esposa e filhos até ocorrer a geada de 1.975, abalando a agricultura e a pecuária regional, fazendo com que o sr. José Rodrigues vendesse a propriedade, adquirindo um prédio para a instalação de uma serralheria ao comando do filho Rivail, que ficou conhecidíssima regionalmente Serralheria Rodrigues. Maria Antônia elogiou a concretização do sonho de Riva Rodrigues ao lançar o Residencial José Rodrigues, colaborando com o crescimento da cidade.

 
Todos os convidados e familiares dos homenageados cujas ruas receberam seus nomes, ao fazerem uso da palavra, enalteceram a coragem de Riva Rodrigues pelo lançamento do empreendimento num momento crise nacional, "mas que a cidade de Jales, anda na contramão da crise e vive excelentes perspectivas com o crescimento imobiliário".

Inclusive, esse otimismo foi o tom do discurso do vereador João Zanetoni, representante do Poder Legislativo no evento ao dizer que "o sucesso do lançamento desse empreendimento é a mostra de que estamos no caminho certo e Riva Rodrigues está de parabéns".

O prefeito Flávio Prandi também elogiou o empreendedorismo de Riva Rodrigues, enaltecendo que o setor imobiliário está ajudando a cidade a se desenvolver nesse período de crise e enfatizou que "esperamos que novos empreendimentos aconteçam em Jales".

Secretarias Municipais desenvolvem ações na Semana Nacional de Mobilização no Combate ao mosquito Aedes aegypti







Em Jales foram mobilizadas, as Secretarias Municipais de Saúde, Educação, Assistência Social, em prol a Semana Nacional de Mobilização no Combate ao mosquito Aedes aegypti, que ocorreu entre os dias 23 a 27 de outubro.

A campanha de intensificação ao combate do mosquito Aedes aegypti, visando à prevenção de doenças como a Dengue, a Zika Vírus e a Chikungunya, contou com várias ações no município. Entre os trabalhos realizados, ocorreram palestras com alunos e mobilizações nas ruas, objetivando chamar a atenção dos moradores com cartazes e faixas para importância da campanha.

Ações específicas foram realizadas no Cemitério Municipal da Consolação em Jales, com a proximidade da data de Finados, que envolveu uma grande movimentação da equipe do controle de endemias.

Um mutirão para a eliminação de criadouros do mosquito Aedes aegypti foi realizado no local, com desentupimento e limpeza dos túmulos. Houve ainda a exposição de faixas, distribuição de folhetos e de areia para os vasos de flores.  

Equipe de futsal da APAFUJ/Griffe Teen sub 12 conquista Troféu Piratininga da Federação Paulista de Futsal


O prefeito  Flávio Prandi Franco, o Flá, cumprimentou na tarde de sexta-feira (10), no Ginásio de Esportes Vera Lúcia Maldonado, os atletas que compõe a equipe de futsal da APAFUJ/Griffe Teen sub 12, que representando a Liga Jalesense de Futsal com uma campanha brilhante
conquistaram o Troféu Piratininga da Federação Paulista de Futsal.

A disputa da última partida ocorreu na cidade de Sorocaba, na Arena Sorocaba, demonstrando a grandiosidade da competição. A equipe treinada pelo Tiago Luis de Melo com o auxiliar técnico Deivid Francisco de Melo enfrentou o time da casa, já tendo obtido um resultado de 5 a 0, avançou goleando por 4 a 0, tornando assim uma conquista histórica para a geração de atletas.

Reconhecido em todo o estado, o campeonato envolveu times de grandes cidades, algumas delas foram vencidas pela equipe Jalesense como Araçatuba, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto, Sorocaba, Assis e Piracicaba.

O treinador Tiago destacou a importância da conquista ressaltando que os munícipes de Jales, só acompanharam equipes campeãs três vezes. “Os meninos estão de parabéns, entraram para história e será um momento que eles levaram para toda a vida”, finalizou Tiago.

Segundo Tiago, é fundamental o auxílio prestado pela Prefeitura Municipal de Jales, que apoia todas as ações necessárias de manutenção do time, transporte e espaço para os treinamentos.

Eva Andressa revela que usa implante hormonal como método contraceptivo e performance

 
A "Musa Fitness" Eva Andressa, uma das maiores celebridades quando o assunto é seguidores no Facebook e com mais de impressionantes 10,5 milhões de fãs na rede social, revela que usa implante hormonal como método contraceptivo e performance.
"Já tem uns sete meses que uso implante hormonal escolhido pelo meu médico, o Dr. Luiz Paulo. Uso como método contraceptivo e performance. Estou tendo resultados excelentes. Não sofro mais com TPM, minha disposição aumentou, libido em dia. Meus resultados em relação à ganho de massa e definição muscular, associado a atividade física e dieta, têm sido muito melhores. Só coisas boas!", exalta a morena que mora em Curitiba.
"Mas a escolha do profissional é fundamental para o sucesso do tratamento. Eu só confio e indico o Dr. Luiz Paulo, que faz um trabalho totalmente individualizado. Já tive uma experiência péssima com outro médico. Lembrando que os homens também podem se beneficiar com o tratamento", ressalta Eva Andressa.


Em 7 meses Sebrae atende mais que o dobro previsto para 2017 em Jales

 
De abril a outubro, ou seja, em apenas sete meses, o trabalho realizado pelos agentes de desenvolvimento Gustavo Danilo Pontel e Ana Cláudia de Oliveira Marilhano superou em mais que o dobro a meta estabelecida pelo Sebrae para todo o ano de 2017 em Jales.

Carla Carina Bussoloti, gestora do Sebrae Aqui na região, informou durante reunião na Associação Comercial e Industrial de Jales (ACIJ) que os dois agentes iniciaram suas atividades no dia 3 abril e, levantando todos os dados até outubro, verificou-se que toda meta prevista para 12 meses já havia sido ultrapassada, incluindo atendimento, capacitação, cursos, palestras e oficinas.

Nesse período foram realizados 941 atendimentos, sendo 606 individuais e 335 como resultado de convites para a participação nas atividades programadas, quando a meta era de cerca de 450 atendimentos.

Motivação

Kleber Ricardo Guerche, coordenador regional de atendimento do Sebrae, explicou que para trabalhar no Sabrae Aqui, que oferece os mesmos serviços do Sebrae-SP, os dois agentes de atendimento cedidos pela Prefeitura tiveram que ser capacitados e continuam recebendo treinamento para o desenvolvimento de suas habilidades no exercício da função. O que faz a diferença em Jales, como afirmou, é o envolvimento dos dois nas suas atividades, motivados em contribuir para com o desenvolvimento regional.

Uma das grandes conquistas para uma cidade que conta com atendentes com esse perfil, segundo Kleber, é que as coisas começam a ficar mais fáceis para os empresários, pelos serviços oferecidos para resolver os seus problemas.

Trabalho diferenciado

O presidente da ACIJ, Carlos Roberto Altimari destacou que esse resultado é mérito dos dois agentes de desenvolvimento que estão na linha de frente de todo o trabalho. Carlinhos lembrou ainda que o Via Rápida Empresa está sendo desenvolvido pelos dois agentes de forma diferenciada em relação aos outros municípios.

O presidente da ACIJ também destaca que isso não acontece por acaso, mas como resultado de um trabalho desenvolvido pela associação com parceiros como o próprio Sebrae, a Prefeitura, o Sincomércio e o Sindicato Rural de Jales. Tanto que além do Sebrae Aqui, a sede da ACIJ abriga hoje outros serviços e órgãos como o Sincomércio, o escritório da Junta Comercial e o Banco do Povo, transformando aquele local em um amplo espaço para o empreendedor.

Parceria - Wellington Assunção, chefe de gabinete da Secretaria Municipal de Planejamento, que participou da reunião com o Sebrae, na ACIJ junto com Márcia Lúcia Marques, chefe de setor de planejamento representando o prefeito Flávio Prandi Franco, lembrou que o apoio da Prefeitura é importante para o atendimento e capacitação dos empreendedores. A Prefeitura apenas cede dois funcionários para execução de todo serviço realizado pelo Sebrae e a ACIJ. Os benefícios são muito grandes, com custo muito baixo para o poder público municipal, como afirmou.

Crescimento

Ana Cláudia e Gustavo lembram que são muitos os serviços prestados pelo Sebrae em Jales, desde orientações legais sobre o Microempreendedor Individual, bem como a formalização da pessoa física como empresário (MEI). Ainda, são oferecidos diversos serviços como atualização de cadastro, emissão de boletos de pagamento, emissão de certidões, baixa e encerramento de empresa, declaração anual de faturamento, requisição de alvará de funcionamento e inserção da empresa no módulo estadual de licenciamento do Via Rápida.

Os agentes de desenvolvimento ressaltam ainda que, em Jales, o processo de formalização do empresário como MEI tem sido desburocratizado. A solicitação de licenças junto aos demais órgãos, como Corpo de Bombeiros e Vigilância Sanitária, por exemplo, tem sido feita pelo próprio Sebrae. Em outros municípios, com o CNPJ em mãos, o próprio interessado deve comparecer aos órgãos responsáveis para solicitar as licenças. Segundo Ana Cláudia, o MEI ao se formalizar recebe orientação e apoio integral durante todo o procedimento de abertura da sua empresa. "É um trabalho de desburocratização para facilitar que o microempreendedor, na hora da formalização da sua empresa, não fique correndo atrás de papeladas", completou.

Poderes unidos em defesa da corrupção sistêmica

Luiz Flávio Gomes, jurista. Criador do movimento Quero Um Brasil Ético. Estou no F/luizflaviogomesoficial
 
A Lava Jato, nos seus dois primeiros anos (2014 e 2015), parecia que iria atacar apenas a corrupção individual e empresarial. No máximo, dizia-se, ela chegaria à corrupção petista, que tinha o domínio das entranhas putrefatas da Petrobras. As elites corruptas chegavam a afirmar que se o grande líder petista fosse preso, tudo estaria de bom tamanho.

 Em maio de 2016 divulgou-se o famoso áudio gravado pelo ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, onde se ouvia o alerta de alguns velhos coronéis da política brasileira: “é preciso estancar a sangria”. Pelo estrondo dos relâmpagos os caciques com larga experiência na arte da rapinagem do dinheiro público sabem bem a força energética dos raios que se aproximam das suas cabeças.

O sistema corrupto atordoado, que nos rouba R$ 600 milhões por dia (R$ 200 bilhões por ano), contentou-se no princípio com as combatentes defesas individuais dos réus. Os criminalistas espernearam de todas as maneiras, defenderam a integridade do Estado de Direito e protestaram contra o fim da “omertà” (que é o silêncio da máfia).

 A mídia repercutia as inflamadas censuras contra o novo sistema jurídico e probatório, inaugurado com as sequenciadas e contundentes delações premiadas.

 Até outubro de 2016 (data das eleições municipais) as investigações da Lava Jato achavam-se centradas na corrupção endêmica e institucional do PT. Em novembro de 2016 surgiram os primeiros vazamentos das delações da Odebrecht, que revelavam provas incontroversas de uma corrupção sistêmica transversal contaminante de praticamente todos os tradicionais partidos. Entrou em colapso o velho jeito de fazer política e negócios com o Estado.

 Vimos, a partir daí, o sepultamento definitivo do mito de que a corrupção emana exclusivamente do Estado e dos seus agentes. A velha tese do patrimonialismo só do Estado (sustentada por Sérgio Buarque de Holanda, Raymundo Faoro etc.) caiu por terra. A corrupção sistêmica envolve tanto o mercado (grandes empresários e bancos) como agentes do Estado, cujas fortunas, em grande medida, provêm do surrupiamento do dinheiro de todos em favor de poucos (das oligarquias).

 Desde o último trimestre de 2016, depois de já consumada a troca do governo, iniciou-se a defesa sistêmica da corrupção enraizada nas vísceras fétidas das elites dirigentes e governantes. As defesas individuais, fundadas no direito processual regido pelo liberalismo clássico, tornaram-se insuficientes para a preservação da corrupção sistêmica.

 Para se alcançar a impunidade das classes dirigentes corruptas do País, todos os poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário) foram acionados para o desencadeamento de uma grande operação abafa, capaz de assegurar o “status quo”.

 Em 7/12/16 o STF, curvando-se à pressão do poder político, manteve o réu Renan Calheiros na presidência do Senado. Depois assegurou-se o foro privilegiado em favor de quem fora protegido pela criação de um ministério especial.

 A colonização do TSE, evidenciada no escandaloso julgamento em favor da chapa vitoriosa em 2014, foi a senha definitiva para a continuidade da operação abafa, que viria a estarrecer a nação com os privilégios concedidos a um senador gravado pedindo propinas a uma grande empresa um dia chamada de “campeã nacional”.

 No âmbito dos poderes Executivo e Legislativo muita coisa já foi feita para a sobrevivência da corrupção sistêmica: corte orçamentário da polícia federal, desmantelamento da força-tarefa de Curitiba, escolha e nomeação de ministros e procuradores “de confiança”, troca do diretor-geral da polícia federal, discussão da nova lei de abuso de autoridade, proposta legislativa que proíbe as delações premiadas para presos, congelamento da emenda que acaba com o foro privilegiado, preservação da morosidade do STF para permitir que corruptos disputem as eleições de 2018 etc.

 A luta Lava Jato “versus” sistema corrupto não será ganha por nocaute, e sim, por pontos (diz o ministro Ayres Britto). Daí a importância da cidadania vigilante, seja para apoiar a Lava Jato, seja para promover a faxina geral dos corruptos que nos governam nas próximas eleições.

 Quem não confia na capacidade emancipadora do povo brasileiro tem ao menos o dever de fazer sua parte, para que o futuro do País não seja mera continuação do seu nefasto passado colonizador. 

 

 

 

  

Passos que salvam


UTI Neonatal da Santa Casa de Jales recebeu doações de polvos de crochê acompanhados de lição de vida e otimismo

 
E a lição de vida ficou por conta de Joana de Aguiar, moradora da cidade de Votuporanga que, acompanhada das colaboradoras da Clínica Estar Bem, Luciana e Franciele, esteve na Santa Casa de Jales para doar polvos de crochê confeccionados por ela.

Joana ou vovó Juju como gosta carinhosamente de ser chamada, contou que aprendeu a fazer os polvos de crochê na Clínica e inclusive realizou uma campanha para doações de linhas específicas para que sejam confeccionados os polvos. Aos 77 anos, emocionou as colaboradoras da Santa Casa de Jales com sua história de vida.

Vovó Juju agradeceu a recepção que teve no hospital. "Eu faço o bem para mim confeccionando os polvos e ajudando quem precisa, procuro atender todos os pedidos porque sei da necessidade que os recém-nascidos prematuros passam e a diferença que faz um tratamento com um polvinho nos braços.

A supervisora assistencial, Ana Lucia da Silva, parabenizou o gesto da D. Joana. "Vou realizar uma campanha aqui na Santa Casa de Jales para que possamos arrecadar as linhas específicas para a confecção dos polvos e encaminhar para que a vovó Juju faça e atenda a demanda que ela possui".

As linhas usadas para a confecção dos polvos devem ser 100% algodão. Quem tiver interesse em doar para a Santa Casa de Jales poderá entrar em contato com a Ouvidoria pelo telefone (17) 3622 – 5000 ramal 5115 ou no setor de Comunicação (17) 3622 – 5007.

Ações de conscientização da Secretaria de Saúde marcam campanha Novembro Azul



 
Novembro é o mês dedicado à orientação e prevenção do câncer da próstata, sendo assim várias ações foram realizadas em Jales, promovidas por profissionais da Secretaria Municipal de Saúde, em alusão a Campanha Novembro Azul.

Na quinta-feira (09), a equipe da Unidade Básica de Saúde - ESF Francisco Xavier Rego desenvolveu e realizou uma ação com a comunidade em diversos pontos da cidade, entre eles em um supermercado nas proximidades do comboio e na praça João Mariano de Freitas.

Além da troca de muita informação e uma oportunidade para a população tirar dúvidas a respeito da campanha, em um grande trabalho de orientação, os envolvidos distribuíram panfletos e brindes.

Segundo a responsável pela equipe, a enfermeira Ana Carolina Lima Amador, estiveram envolvidas as alunas do último ano do curso de Enfermagem da FUNEC, bem como profissionais de enfermagem e agentes de saúde.

Diabetes: aumenta no país e já atinge 9% dos brasileiros

Estudo recente do Ministério da Saúde mostra que em 10 anos índice cresceu 61% em maiores de 18 anos que moram em capitais. 
Ter hábito saudável é essencial para controlar a doença
 
Por Gabriela Rocha,
da Agência Saúde
 
Em alusão ao Dia Mundial do Diabetes, o Ministério da Saúde reforça o alerta à população sobre o crescimento da doença no país. O diagnóstico da enfermidade aumentou 61,8% em 10 anos, segundo dados da pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) do Ministério da Saúde. Entre 2006 e 2016, o número de pessoas que dizem saber do diagnóstico de diabetes passou de 5,5% para 8,9%. As mulheres lideram o ranking: 9,9% da população feminina declarou possuir a doença contra 7,8% dos homens.
O crescimento do diabetes é uma tendência mundial, devido ao envelhecimento da população, mudanças dos hábitos alimentares e prática de atividade física. De acordo com a Pesquisa Vigitel, 18% da população das capitais brasileiras consomem alimentos doces em cinco ou mais dias da semana, sendo maior entre mulheres (19,7%) do que entre homens (16,0%). O comportamento é mais comum entre jovens de 18 a 24 (26,2%) seguido pela faixa etária de 25 a 34 (20,6%). O levantamento foi feito, a partir de perguntas que indagavam sobre a frequência semanal do consumo de sorvetes, chocolates, bolos, biscoitos ou doces. "Alimentação adequada e prática de exercícios físicos é essencial para conter a doença. Além da ampliação de acesso ao tratamento, temos atuado fortemente na promoção de hábitos saudáveis", afirmou o ministro Ricardo Barros.
Para os que já têm diagnóstico de diabetes, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferta gratuitamente, já na atenção básica - porta de entrada do SUS, atenção integral e gratuita, desenvolvendo ações de prevenção, detecção, controle e tratamento medicamentoso, inclusive com insulinas. Para monitoramento do índice glicêmico, ainda está disponível nas unidades de Atenção Básica de Saúde, reagentes e seringas.
O programa Aqui Tem Farmácia Popular, parceria do Ministério da Saúde com mais de 34 mil farmácias privadas em todo o país, também distribui medicamentos gratuitos, entre eles o cloridrato de metformina, glibenclamida e insulinas.
Incentivo a hábitos saudáveis – O incentivo para uma alimentação saudável e balanceada e a prática de atividades físicas é prioridade do Governo Federal. Assim que assumiu o Ministério da Saúde, Ricardo Barros publicou uma Portaria proibindo venda, promoção, publicidade ou propaganda de alimentos industrializados ultraprocessados com excesso de açúcar, gordura e sódio e prontos para o consumo dentro das dependências do Ministério.
O Ministério da Saúde também adotou internacionalmente metas para frear o crescimento do excesso de peso e obesidade no país. Durante o Encontro Regional para Enfrentamento da Obesidade Infantil, realizado em março em Brasília, o país assumiu como compromisso deter o crescimento da obesidade na população adulta até 2019, por meio de políticas intersetoriais de saúde e segurança alimentar e nutricional; reduzir o consumo regular de refrigerante e suco artificial em pelo menos 30% na população adulta, até 2019; e ampliar em no mínimo de 17,8% o percentual de adultos que consomem frutas e hortaliças regularmente até 2019.
Outra ação para a promoção da alimentação saudável foi a publicação do Guia Alimentar para a População Brasileira. Reconhecida mundialmente pela abordagem integral da promoção à nutrição adequada, a publicação orienta a população com recomendações sobre alimentação saudável e para fazer de alimentos in natura ou minimamente processados a base da alimentação. O Governo Federal também incentiva a prática de atividades físicas por meio do Programa Academia da Saúde com aproximadamente 4 mil polos habilitados e 2.012 com obras concluídos.
 
 

Fazendo Turismo: Destinos nacionais para quem busca contato com a natureza

Nada melhor que entrar em contato com a natureza e renovar as energias para continuar com a rotina que a vida moderna nos oferece. O Brasil possui uma das biodiversidades mais ricas do mundo, seus 8,5 milhões km² ocupam quase a metade da América do Sul e abarcam várias zonas climáticas – como o trópico úmido no Norte, o semi-árido no Nordeste e áreas temperadas no Sul. Evidentemente, estas diferenças climáticas levam a grandes variações ecológicas, formando zonas distintas e atrações nos 4 cantos do país: a Floresta Amazônica, maior floresta tropical úmida do mundo; o Pantanal, maior planície inundável; o Cerrado de savanas e bosques; a Caatinga de florestas semi-áridas; os campos dos Pampas; e a floresta tropical pluvial da Mata Atlântica. Além disso, o Brasil possui uma costa marinha de 3,5 milhões km², que inclui ecossistemas como recifes de corais, dunas, manguezais, lagoas, estuários e pântanos.

Com tantas opções turísticas fica até difícil escolher o próximo destino, separamos alguns locais que se destacam por oferecer ao turistas um contato direto com a natureza. Confira a lista de atrações e comece a planejar sua próxima viagem!

Novo Airão – Amazonas



Município localizado a apenas 180 km da capital do estado Manaus, é conhecido por ser a porta de entrada para o maravilhosos Arquipélago de Anavilhanas, considerado o segundo maior arquipélago fluvial do mundo, com cerca de 400 ilhas onde é possível ter um contato direto com os animais e as paisagens mais incríveis do Amazonas. Outro forte da região é a interação com os botos cor de rosa, uma das maiores atrações turísticas do estado.

Pantanal – Mato Grosso e Mato Grosso do Sul



Um dos ecossistemas mais ricos do Brasil, o Pantanal estende-se pelos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Em função de sua importância e diversidade ecológica, a região é considera pela UNESCO como um Patrimônio Natural e Mundial. O ecossistema do Pantanal é muito diversificado, abrigando uma grande quantidade de animais, que vivem em perfeito equilíbrio ecológico. Para explorar a região, agências de receptivo oferecem atividades como safáris, focagem noturna e passeios de barcos.

Chapada dos Veadeiros – Goiás



Ficando cada vez mais famosa, a Chapada dos Veadeiros está se tornando um destino comum entre os brasileiros que buscam dias de paz e belezas naturais. A fácil localização do Parque Nacional, a cerca de 260 km de Brasília ajudam a região a receber os turistas para conhecer as belas cachoeiras que o parque e seu entorno oferece. Entre as dezenas de quedas cachoeiras como a Santa Bárbara com águas tão cristalinas que parecem ser mentira se destacam.

Santo Amaro – Maranhão



Sonho de muitos turistas o Parque Nacional dos Lençois Maranhensesé um deserto tropical localizado no estado do Maranhão banhado por centenas de lagoas formadas pela chuva que invade a região durante os meses de fevereiro a junho. Muitos turistas procuram a cidade de Barreirinhas para explorar o incrível deserto através de barcos e carros 4×4. Um pouco mais afastado está a cidade de Santo Amaro, o diferencial é que o município está poucos quilômetros do Parque nacional, podendo chegar lá até mesmo a pé! Sem dúvidas a melhor maneira de conhecer os atrativos da região.

Foz do Iguaçu  - Paraná


Visitar as Cataratas do Iguaçu é um experiência inacreditável, através de caminhadas em trilhas no meio da mata ou passeios de barcos é possível conhecer a imensidão de quedas d’água do Rio Iguaçu na Divisa do Brasil, Argentina e Paraguay. As Cataratas do Iguaçu recebem mais de 1 milhão de visitantes por ano, sendo um destino mundialmente conhecido por sua beleza. (Fonte- site Guia Viajar Melhor)

Turismo Sustentável: Guia Exame reconhece boas práticas do Grupo Cataratas



 
O Grupo Cataratas, principal concessionária de serviços de turismo sustentável no Brasil, recebeu mais um importante reconhecimento, que reafirma a contribuição da empresa com a sustentabilidade no país. O Guia Exame Sustentabilidade 2017 avaliou a companhia por meio de diversos indicadores, condutas, critérios e práticas. A empresa, como os demais participantes, recebeu uma avaliação que indica o seu desempenho em dez áreas-chaves na sociedade.

Guia EXAME de Sustentabilidade - É o mais abrangente levantamento de sustentabilidade corporativa do país. O GUIA reúne exemplos inspiradores, empresas-modelo e destaca as companhias com as melhores práticas em 10 categorias, são elas: Direitos Humanos; Relação com a Comunidade; Relação com Clientes; Gestão de Fornecedores; Gestão de Água; Gestão da Biodiversidade; Gestão de Resíduo; Governança de Sustentabilidade; Mudanças Climáticas; e Ética e Transparência.




"O turismo se torna um aliado da biodiversidade
Grupo Cataratas e Grupo Rio Quente viram referência com soluções sustentáveis para problemas reais

Os parques nacionais do Iguaçu, no Paraná, da Tijuca, no Rio de Janeiro, e de Fernando de Noronha, em Pernambuco, recebem 3,5 milhões de visitantes por ano. Os três parques são administrados pelo Grupo Cataratas, pioneiro na assinatura de contratos com o Estado para oferecer ao público experiências ligadas à natureza. O acordo com o poder público prevê a exploração de certas atividades econômicas nos parques, como a cobrança de ingressos e a venda de souvenires, em troca da administração das áreas.

Na prática, a concessionária absorve os gastos que seriam de responsabilidade do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, órgão ligado ao Ministério do Meio Ambiente, responsável pela gestão dos parques nacionais. "Aliviamos o caixa do governo para que o órgão se dedique à sua função principal, que é proteger a natureza", diz Bruno Marques de Oliveira, presidente do Grupo Cataratas.

No Parque Nacional do Iguaçu, uma unidade de conservação com 185.000 hectares (maior do que a cidade de São Paulo, que tem 152.000 hectares), o limite de atuação do Cataratas, definido no contrato de concessão, não passa de 3% da área total. Além de controlar os serviços de bilheteria, o Cataratas realiza o atendimento aos visitantes oferecendo transporte interno, estacionamento, ambulatório e restaurante. É responsável também pela limpeza das áreas de visitação e pela gestão dos impactos causados pela presença do público. A ideia básica é tornar a experiência com a biodiversidade uma atividade lúdica, transformando visitantes e comunidade em aliados na conservação da biodiversidade.

"A regularização da atividade em áreas protegidas contribui para a preservação da fauna e da flora locais", afirma Marques de Oliveira. Como exemplo, ele cita o crescimento da população de onças-pintadas, espécie que está na lista de animais ameaçados de extinção. Em relação a 2014, houve um aumento de quase 40% no número desses animais no Parque Nacional do Iguaçu.

Outro aspecto positivo das concessões está nas receitas geradas pelo turismo para o município em que o parque está sediado e para as cidades no entorno. Um estudo realizado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro estima que o impacto do Parque do Iguaçu na economia local é superior a 40 milhões de reais por ano. "Nossas compras são regionais e vêm de 500 microempresas no entorno do parque", diz Fernando Henrique de Sousa, diretor de sustentabilidade do Cataratas. "Compramos de tudo: das lâmpadas à alimentação vendida aos turistas".

Polícia Federal vai usar biometria do eleitor para emitir passaporte

André Richter Agência Brasil

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e a Polícia Federal (PF) assinaram nesta quinta-feira,16 de novembro, um convênio para troca de informações dos bancos de dados das duas instituições. Com a medida, a PF vai utilizar o cadastro biométrico de eleitores na emissão de passaportes. Dessa forma, o cidadão que fez a biometria nos postos eleitorais não precisará fazer novamente a leitura das digitais ao comparecer aos postos da PF para obter o documento. Os dados também serão usados nas investigações da corporação.

De acordo com o diretor-geral da PF, Fernando Segovia, o compartilhamento poderá reduzir o tempo de atendimento nos postos em até 60%. A data para início da comodidade não foi definida. "O que a gente busca é facilitar a vida do cidadão brasileiro. Quando ele [o cidadão] já estiver na base de dados da Polícia Federal e estiver na base de dados do TSE, em qualquer processo de renovação de passaporte, ele vai reduzir esse tempo de atendimento em até 60%. Com isso, a gente espera que o cidadão não precise mais ficar fazendo colheita de impressões digitais", disse Segovia.

Na avaliação do presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, a troca de informações também será usada para identificação de fraudes e falsificações nas eleições.

"Já temos algum trabalho no sentido de identificação desses casos de duplicidade ou de falsificação [de títulos]. A polícia nos tem ajudado na questão de prestação de contas e de identificação dos desvios, práticas que determinadas pessoas costumam desenvolver. Em suma, temos tido parceria bastante intensa e isso vai continuar", disse Mendes.

A Justiça Eleitoral já identificou 46,43% do total de eleitores brasileiros por meio da biometria, o equivalente a 68 milhões de brasileiros. A expectativa é que 100% dos eleitores sejam cadastrados pelas digitais até 2022.

Termina nesta segunda, 20, o prazo para aditamento do Fies

 
Os estudantes que ainda não concluíram a renovação do contrato do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) devem ficar atentos, pois o prazo final termina nesta segunda-feira, 20 de novembro. Até o final da tarde desta quinta-feira, 16, 1.005.547 alunos já haviam concluído o aditamento, correspondendo a cerca de 78,56% de 1,28 milhão de contratos previstos para este semestre.

"O primeiro prazo era até 31 de outubro e nós prorrogamos para garantir que todos os estudantes tivessem tempo suficiente para realizar o procedimento e garantir a continuidade do seu financiamento", explicou o presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Silvio Pinheiro, alertando aos estudantes que se apressem para não perder o prazo que termina segunda-feira, 20. Os contratos do Fies devem ser renovados a cada semestre e o pedido de aditamento é feito inicialmente pelas faculdades e, em seguida, os estudantes devem validar as informações inseridas pelas instituições no Sistema Informatizado do Fies (SisFies).

No caso de aditamento não simplificado, quando há alteração nas cláusulas do contrato, como mudança de fiador, por exemplo, o estudante precisa levar a documentação comprobatória ao agente financeiro para finalizar a renovação. Já nos aditamentos simplificados, a renovação é formalizada a partir da validação do estudante no sistema.

Além de renovar os contratos vigentes, também será possível até essa data, fazer a transferência integral de curso ou de instituição de ensino, bem como solicitar a dilatação do prazo de utilização do financiamento.