Páginas

sábado, 12 de agosto de 2017

Faltam quase 800 policiais civis nas 6 Delegacias Seccionais do Deinter-5

Segundo Sindpesp - Sindicato dos Delegados Polícia Civil do Estado de São Paulo, o déficit do efetivo de policiais civis na região do Departamento de Polícia Judiciária do Interior de São José do Rio Preto é de 48%. Em números absolutos, faltam 795 policiais civis, entre delegados de polícia, escrivães, investigadores, agentes de telecomunicações, papiloscopistas, auxiliares de papiloscopista e agentes policiais. O efetivo fixado para todo o Deinter-5 é de 1.542 policiais civis. Os dados são oficiais, do dia 30 de junho de 2017, segundo o Sindpesp

Na Seccional de São José do Rio Preto, faltam 281 policiais civis, de um total de 501 cargos existentes. Um déficit de 44%. Na de Catanduva, faltam 91 de 175, déficit de 48%. Na Seccional de Fernandópolis, existem 154 cargos mas 114 preenchidos, déficit de 26%.

Na Delegacia Seccional de Jales são 192 cargos existentes e 139 preenchidos, numa defasagem de 28%. Na Seccional de Novo Horizonte, somente 52 cargos estão preenchidos de um total de 90 existentes, déficit de 42%. Na Seccional de Votuporanga, o numero aumenta: há 174 cargos mas somente 72 preenchidos, num déficit impressionante de 59%. Os números do efetivo atual foram obtidos por meio da Lei de Acesso à Informação.

A presidente do SINDPESP, Raquel Kobashi Gallinati, falou sobre os números em São José do Rio Preto, onde esteve nesta quinta e sexta-feira, para compromissos profissionais. Ela reiterou a necessidade do Governo do Estado de chamar todos os aprovados nos concursos de 2013 e de abrir novos concursos, já que o déficit estadual é de cerca de 10 mil cargos. Raquel lembrou ainda a questão do salário, o mais baixo do país, em termos do PIB estadual.

O SINDPESP solicitou formalmente uma audiência com o governador Geraldo Alckmin para entregar o resultado da Assembleia Geral Extraordinária do sindicato, realizada em 26 de junho passado. Até agora, diz o Sindpesp, o Palácio dos Bandeirantes não respondeu à solicitação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário