Páginas

domingo, 4 de junho de 2017

Assembleia Legislativa adere ao Junho Vermelho


 
Imagem inline 1
A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo é um dos pontos da cidade que estarão iluminados de vermelho durante o mês de junho. O motivo é a campanha "Junho Vermelho", que tem como objetivo incentivar as pessoas a doarem sangue e conscientizá-las sobre a importância da doação como ato constante.
A iniciativa é do movimento "Eu Dou Sangue pelo Brasil" em parceria com instituições dos setores público e privado. O movimento também ganhou força nas redes sociais com intervenções no Twitter, Instagram e Facebook. Para participar da ação é necessário postar usando a hastag #EuDouSangue.
 
Em São Paulo, além da Assembleia Legislativa, serão iluminados de vermelho o Viaduto do Chá, Biblioteca Mário de Andrade, Ponte das Bandeiras, Monumento às Bandeiras, Estátua do Borba Gato, Câmara dos Vereadores, Sala São Paulo, Sede da Secretaria de Desenvolvimento Social, Sede da Secretaria de Saúde, Fonte do Parque Ibirapuera, Icesp (Instituto do Câncer), Memorial da América Latina e FIESP.
 
Outros estados do país também aderiram à campanha como Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Pará, Mato Grosso do Sul, Goiás, Bahia e Santa Catarina.
  
Bancos de Sangue
 
No mês de maio, o banco de sangue da Fundação Pró-Sangue registrou estoque 60% abaixo do limite esperado. A baixa da reserva é reflexo da queda de doações. Os sangues tipo O+, O-, B-, A+ e A- encontram-se em "nível crítico", ou seja, em quantidade para atender os hospitais por apenas dois dias. A fundação abastece os bancos de sangue de mais de 100 instituições de saúde pública do Estado de São Paulo.
           
Apenas 1,8% da população brasileira doa sangue regularmente, segundo o Ministério da Saúde. A média fica abaixo dos 5% estimados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para suprir as necessidades da população do país.
             

Nenhum comentário:

Postar um comentário