Páginas

sábado, 24 de junho de 2017

Alesp irá retomar discussões de PECs que beneficiam a Polícia Civil

foto - Juliana Ribeiro Manikkompel, deputado Edmir Chedid
e a presidente do sindicato, Raquel Kobashi Gallinati


 
 

O deputado Edmir Chedid (DEM) declarou nesta terça-feira, 20/06, que o Poder Legislativo deverá retomar as discussões das Propostas de Emenda Constitucional (PECs) 5 e 7 que beneficiam diretamente os profissionais da Polícia Civil. A categoria exige readequação dos termos que regem a carreira, além de melhorias nas condições do exercício profissional.

A PEC 5 estabelece o reajuste ao teto salarial para o funcionalismo público, que, segundo o Poder Legislativo, deverá "corrigir um problema histórico dos servidores estaduais"; a Proposta 7 altera redação do artigo 140 da Constituição do Estado de São Paulo, garantindo à Polícia Civil a "exclusividade sobre as funções judiciárias e a apuração das infrações penais, exceto militares".

A afirmação do parlamentar ocorreu durante reunião promovida com a presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo (Sindpesp), Raquel Kobashi Gallinati, e a diretora da instituição, Juliana Ribeiro Manikkompel, no Palácio 9 de Julho, sede da Assembleia Legislativa (Alesp). As profissionais também participaram da reunião do Colégio de Líderes.

"O sindicato solicitou mais agilidade na discussão e consequente votação das PECs a fim de garantir benefícios à categoria. Também defendem que estas propostas, associadas às demais demandas por melhorias nas condições de trabalho, poderão corrigir o que classificam como ‘irregular e inaceitável’ em relação ao exercício profissional dos delegados de polícia", disse Edmir Chedid.

Nenhum comentário:

Postar um comentário