Páginas

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Governo de SP autoriza contratação imediata de 765 professores

São 500 docentes da categoria PEB I e 265 PEB II; investimento do Estado será de R$ 41 milhões
O governador Geraldo Alckmin autorizou a contratação de mais 765 professores temporários para a rede paulista de ensino. O despacho foi publicado na edição de sábado (27) do Diário Oficial do Estado. Serão investidos R$ 41 milhões.
Para atendimento aos alunos dos Anos Iniciais (1º ao 5º ano) serão chamados 500 profissionais de educação básica I por tempo determinado, além de 265 professores de educação básica II, que lecionarão nos Anos Finais do Ensino Fundamental e nas três séries do Ensino Médio.
A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo conta com mais de 200 mil professores. A contratação de mais profissionais para o trabalho temporário é importante porque são esses profissionais responsáveis por substituir professores efetivos de cargo que precisam se afastar por motivos de saúde e licença-maternidade, por exemplo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário