Páginas

segunda-feira, 17 de abril de 2017

AME de Jales oferece cirurgias de catarata


Primeiros atendimentos foram realizados no fim do mês passado; Ambulatório será referência para Santa Fé do Sul e Fernandópolis


O Ambulatório Médico de Especialidades (AME) de Jales, sob gestão da Santa Casa de Votuporanga, iniciou um novo serviço: cirurgias de correção de catarata. Os primeiros atendimentos aconteceram no último dia 29, com a realização de 38 procedimentos, melhorando a visão do paciente e, assim, promovendo qualidade de vida.
O procedimento é de média complexidade. Uma equipe médica foi contratada para atender a demanda, que a princípio, será interna – pacientes já diagnosticados através da Linha de Cuidado. Após dois meses, o AME será referência para as cidades de Santa Fé do Sul e Fernandópolis. "Estamos atendendo seguindo a fila de espera. O usuário passa por uma consulta com o oftalmologista através da Linha de Cuidado de Cataratas e, constatado o diagnóstico, aguarda sua vez para a cirurgia", explicou a gerente administrativa, Fátima Aparecida Cláudio.
Fátima comemorou a implantação do novo serviço. "Os nossos pacientes eram encaminhados para São José do Rio Preto, uma distância de 136 quilômetros. Essa locomoção era uma dificuldade, que agora foi sanada", afirmou.
O Ambulatório Médico de Especialidades de Jales passará a oferecer 35 cirurgias de cataratas por mês. Somente na área de Oftalmologia, realiza, em média, 1.068 atendimentos por mês entre consultas, exames e procedimentos de pterígio (tecido da conjuntiva sobre a córnea).

A cirurgia
A cirurgia de catarata é realizada no ambulatório e pode levar apenas alguns minutos. Geralmente, logo após a cirurgia os pacientes recebem alta e vão para casa, retornando ao AME entre 24 e 48 horas para consulta e acompanhamento pós-cirúrgico.
A catarata é removida por meio de uma moderna técnica chamada facoemulsificação. A técnica usa apenas anestesia tópica (colírios). Com o ultrassom, a catarata é fracionada em partículas microscópicas e aspirada. Em seguida, para compensar a remoção do cristalino, é implantada uma lente intraocular.
Após a cirurgia, o paciente retorna ao Ambulatório em 24 ou 48 horas para consulta médica e acompanhamento. Caso seja necessário operar o outro olho, o novo procedimento cirúrgico ocorrerá em 60 dias, em média.

Nenhum comentário:

Postar um comentário