Páginas

sexta-feira, 17 de março de 2017

Santa Casa de Marília inicia procedimento de enucleação para captação de córneas

Doação de córneas é feita mediante autorização da família
Equipe de enfermeiras da Santa Casa de Misericórdia de Marília iniciou, em fevereiro deste ano, procedimento de enucleação - retirada do globo ocular - após a constatação de morte encefálica. O novo serviço tem a coordenação da Cihdott (Comissão Intra Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante) e é ligado à OPO (Organização de Procura de Órgãos), que tem a direção do Hospital das Clínicas em região que abrange os 62 municípios do DRS 9 (Departamento Regional de Saúde).
A enfermeira coordenadora da Cihdott da Santa Casa, Marisa Regina Stradioto, afirmou que é importante as pessoas conversarem com seus familiares sobre a vontade de fazer a doação de órgãos. "Antes, vinha no RG a informação se a pessoa era doadora ou não. Com a mudança da legislação, a família é quem autoriza, podendo ser pai, mãe, cônjuge, filho, avô e avó, além de neto".
Primeira enfermeira da Santa Casa a fazer o curso de capacitação no Hospital de Base de São José do Rio Preto, sob a coordenação do médico João Fernando Picollo de Oliveira (coordenador da OPO e diretor clínico do hospital), Rubiana Gonçalves Konkiewitz explicou que uma sala foi disponibilizada para a realização do procedimento, assim como instrumentais também foram adquiridos. "Extraímos o globo ocular e encaminhamos para o Banco de Olhos de Marília".
De acordo com Rubiana, sempre há uma enfermeira da equipe de plantão para realizar a enucleação. "Não tem como saber a disponibilidade de doação e assim que ficamos sabendo já entramos em contato com a família e mediante autorização, fazemos o procedimento o mais rápido possível". 
Já concluíram o curso e também estão aptas a fazer a retirada do globo ocular as enfermeiras: Francisca Mocaele Siqueira, Tábata Regina Gomes de Oliveira Neves, Silvana Silva de Oliveira, Quéren Hapuque Pereira de Brito Romeu e Kátia Silene Bassini. 
Também estarão fazendo a capacitação em Rio Preto para compor a equipe as enfermeiras: Alessandra Andrade Padovan dos Santos, Eliana da Silva Nobre e Tamyris Ribeiro Oliveira.
A primeira retirada de globo ocular na Santa Casa de Marília foi realizada no dia 22 de fevereiro. Mulher que sofreu infarto e veio a óbito teve a doação de córneas autorizada pela família e o procedimento então foi realizado com sucesso e encaminhado ao Banco de Olhos.
A Cihdott da Santa Casa de Marília tem como médico coordenador o diretor clínico do hospital Valdeir Fagundes de Queiroz e também conta com a assistente social Clotilde Carvalho.  Além do recém-implantado procedimento de enucleação, a unidade hospitalar já realizada, desde 2011, a captação e transplante de rim.
Aderindo à Campanha Nacional de Doação de Órgãos, do Ministério da Saúde, a Santa Casa de Marília destaca o slogan: "Doe órgãos, doe vida. Para ser um doador, avise sua família".
Mais informações sobre a captação e doação de órgãos podem ser obtidas na Cihdott da Santa Casa através do telefone 3402-5555 (Ramal 5630). 
Fonte: Assessoria de Imprensa - www.santacasamarilia.com.br 

Nenhum comentário:

Postar um comentário