Páginas

sábado, 11 de fevereiro de 2017

Cuidar da lesão do paciente é um dos objetivos da Comissão de Curativos da Santa Casa de Jales





fotos - Parte da equipe de comissão de curativos da Santa Casa; na foto menor Vilda de Lima Souza (esposa do Osmar), juntamente com a enfermeira e coordenadora da comissão, Jaqueline Fava, e Osmar Beltran de Souza, que recebeu o tratamento
fotos/ascomsantacasajales/divulgação







 
 
A Comissão de Curativos instalada da Santa Casa de Jales tem como finalidade cuidar da lesão do paciente com fundamentos específicos, utilizando conhecimentos científicos, novas tecnologias, além de acompanhar passo a passo da evolução, documentando e relatando os procedimentos de cada ferimento.

 
"A comissão vem para agregar a humanização na instituição, pois realizamos um tratamento diferenciado para cada tipo de lesão e com resultados cada vez mais evidentes estamos deixando o paciente ainda mais satisfeito", relatou a coordenadora da comissão e enfermeira da UTI Geral, Jaqueline Fava Santana de Carvalho.

Há cerca de seis meses um paciente que permaneceu durante 26 dias na Santa Casa relatou o cuidado que recebeu da comissão durante o tratamento e por meio de cartas agradeceu o esforço de toda equipe. "Podemos dizer que através de Deus e desta equipe fui curado de uma enfermidade que nunca havíamos ouvido falar, a bactéria síndrome de fourmier, foi quase um mês recebendo curativos no hospital e o resultado foi espetacular, a minha ferida foi curada", destacou Osmar Beltran de Souza da cidade de Santa Albertina.

A equipe é composta por aproximadamente 21 profissionais, entre eles médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, farmacêuticos, nutricionista, comissão de controle de infecção hospitalar - CCIH e auditoria.

As reuniões acontecem uma vez por mês no qual um caso é analisado e estudado entre todos, que participam dando sugestões para definir o tratamento ideal e acelerando o processo de curativo no paciente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário