Páginas

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Detran de São Paulo tem novo diretor-presidente



O advogado piauiense Maxwell Vieira (foto) assumiu o comando da autarquia, que responde por mais de 28 milhões de veículos e 23 milhões de condutores
 
O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP), maior órgão de trânsito da América Latina, tem a partir desta semana o mais jovem presidente de sua história. Aos 31 anos, o advogado piauiense Maxwell Borges de Moura Vieira assumiu o comando do departamento. A nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado da última quarta-feira, 25 de janeiro.

O Detran paulista responde por 30% da frota de veículos de todo o Brasil, que é de 93 milhões, segundo dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). Conta com mais de 4,4 mil funcionários em 670 unidades de atendimento e uma rede com mais de 20 mil parceiros credenciados. Anualmente, mais de 25 milhões de documentos são emitidos no Estado, que tem uma frota de mais de 28 milhões de veículos, além de 23 milhões de motoristas.

Maxwell Vieira estava desde maio de 2015 à frente da Diretoria de Habilitação do órgão e já atuou em outros setores do Governo do Estado, como a Secretaria de Planejamento e Gestão e a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, a Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-SP) e o Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (Ipem-SP).

"Estou muito contente pela confiança depositada e ciente da enorme responsabilidade que representa administrar um órgão das dimensões do Detran de São Paulo, com impacto direto e essencial na vida de milhões de cidadãos", ressalta Vieira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário