Páginas

sábado, 28 de janeiro de 2017

Alunos de Sebastianópolis do Sul se destacam na redação do Enem

Quatro alunos do Ensino Médio da E.E. Gentila Guizzi Pinatti, de Sebastianópolis do Sul, na região de Votuporanga, foram destaques na redação do Enem. Ana Paula Boraschi e Gabriela Macedo tiraram notas acima de 840. Já Agnaldo Oliveira e Amanda D’Auricio foram além e conquistaram 940. Em 2016, o tema da prova era "Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil". De acordo com o Ministério da Educação, apenas 77 estudantes em todo o País atingiram a pontuação máxima, que é mil.

Para chegar tão perto do topo, foi preciso dedicação e muita prática. Além de conhecer diferentes estruturas de texto, as turmas da 3ª série eram incentivadas a entregar pelo menos uma redação por semana.

"Eu entendi que não precisamos escrever de forma engessada. Cada um aprende qual é o seu jeito de produzir", conta Amanda. No exame, a aluna defendeu a importância de grandes líderes religiosos não utilizarem a influência para manipular negativamente as pessoas.

Outra estratégia adotada pela unidade foi a apresentação de seminários. Há 12 anos na diretoria da escola, Isabel Cristina percebeu que apenas o domínio da escrita não é fundamental. Por isso, a escola investe em encontros e debates. Assim, os alunos podem conhecer mais a fundo os temas e elaborar argumentos.

"Focando no vestibular, eu pedi que os professores exigissem redação dos alunos todas as semanas. A sala de leitura, com certeza, é outra grande aliada, já que o hábito da leitura ajuda bastante na hora de escrever", afirma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário