Páginas

sábado, 31 de dezembro de 2016

Repensando o novo

Flávio Rodrigo Masson Carvalho
Professor do UNIBAVE – Orleans - SC



Um novo ano, um novo começo, ou um recomeço, uma nova estória, uma nova vida.
Um ano novo, de novo!
É hora de pensarmos no novo, mais uma vez.
Pensar nos erros, nos acertos, no que faltou, no que sobrou. Pensar no tanto que reclamamos, com motivos, ou sem motivos, na grande maioria reclamamos demais, por muito pouco, sem motivo algum.
Como será o novo ano novo?
Será que farei tudo o que fiz, de novo? Cometerei os mesmos erros? Será que progredi? Será que cresci?
Será que enterrei meus erros? Será que ficaram no ano velho? Será que meu ano novo vai ser tudo novo mesmo?
São tantas as perguntas! Poucas as respostas!
A mais importante pergunta: Como fazer o ano novo ser especial?
Primeiramente, desfazer as malas, ou seja, se livrar das bagagens. Adentrar o novo ano livre, leve e solto!
Deixar as mágoas, os erros, os fracassos para trás.
Levar apenas para o ano novo a esperança, a força de vontade, a elevada auto-estima, a vontade de ser feliz.
O medo tem que ficar no ano velho!
Não adentrar o ano vindouro com medo. Pois este sentimento é o maior empecilho para quem quer ser feliz, quem quer fazer sucesso, quem quer vencer.
O medo nos mata lentamente. Mata nossos sonhos, nossos planos, nossa esperança.
O medo é o sentimento que não devemos levar para o ano novo. Mas não se preocupe, novos medos surgirão. Pois o medo na medida certa, pode nos ajudar. Faz com que sejamos mais cautelosos, nos mantem com os pés no chão. Medo demais é que nos bloqueia, nos castra, e nos impede de ser feliz.
Pense e repense no que você quer para o ano novo!
E quando souber o que quer, se prepare para lutar, com todas as suas forças para realizar todos os seus planos para o ano novo.
Não tenha medo de ser feliz. Não tenha medo de sair da sua zona de conforto, e principalmente, não tenha medo do novo.
Somente perdendo o medo do novo é que você estará preparado para realizar novas coisas, para concretizar novos feitos.
Faça do bom novo uma constante na sua vida. Ou seja, seja uma nova pessoa, descobrindo novos sentimentos, novas pessoas, novos lugares.
Busque também o novo dentro de você. Busque o novo dentro do homem velho. Mate o velho, e faça surgir um novo homem, um novo ser. E que esse novo homem seja melhor, mais competente, corajoso, e muito mais feliz.
O seu mantra será: "adeus ano velho, feliz ano novo... Que tudo se realize no ano que vai nascer..."
Repensar o novo para melhor enfrenta-lo. Repensar o novo para não ser traído pelo velho. Repensar o novo para não errar de novo. Repensar o novo para ser um novo ser.
Encare o novo sendo uma nova pessoa.
Enfrente o novo com o novo!
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário