Páginas

sábado, 20 de agosto de 2016

Ser Feliz

Flávio Rodrigo Masson Carvalho
Professor do UNIBAVE – Orleans - SC
 
Será que ser feliz é ter muito dinheiro? Ser um ator ou atriz famosa? Ser um político bem sucedido? Ter um bom emprego? Estar bem casado? Ter uma família maravilhosa? Não ter problemas? seria uma somatória de tudo isso? O que é felicidade? O que é ser feliz?
Felicidade é sentimento que não é possível descrever em palavras. Também não é nada do que foi descrito acima, pois existem muitas pessoas que possuem muito do que foi descrito e são tristes, intensamente tristes. Então o que é ser feliz?
Ser feliz é lidar da melhor maneira possível com os problemas, com as dificuldades que a vida nos impõe. Ser feliz é conseguir sair inteiro de uma forte depressão. Felicidade é se reerguer depois de ter falido. Ser feliz é perder uma eleição e ter animo para se candidatar novamente. Felicidade é arrumar um emprego depois de muito tempo desempregado. Ou seja, felicidade é poder lidar com as dificuldades e tristeza que passamos a maior parte de nossas vidas. Temos mais ruins momentos do que bons. Por isso quem pensa que ser feliz é ter tudo de bom, tudo estar correndo as mil maravilhas sempre, está completamente errado, pois é impossível ter tudo de bom sempre. Feliz é aquele que consegue administrar sofrimentos.
Devemos a todo custo sempre buscar a felicidade. Lutar com todas as forças para ser feliz e, proporcionar felicidade àqueles que amamos, mesmo sabendo ser isto impossível. Mas devemos sempre estar preparados para o pior, para as dificuldades e sofrimentos.
Sofrer e manter o equilíbrio nos fortalece. Vencer dificuldades nos faz valorizar mais os momentos de felicidades, que são poucos. Enfrentar dificuldades a todo instante nos faz valorizar as coisas simples da vida, ou seja, aprendemos que a felicidade pode estar nas coisas singelas da vida, ou pelo menos deveríamos aprender a sermos felizes com as coisas simples da vida.
Viver é estar em dificuldades. Se você está trabalhando, estudando, têm uma família, ou seja, se você está vivendo, você está lidando com dificuldades, problemas, sofrimentos, sentimentos ruins. Mas jamais se esqueça de que você não é uma vítima, não é um coitadinho. Sofremos para que possamos aprender algo. Sofremos para que possamos aprender a verdadeiramente nos amar e, quando isso acontecer, não mais sofreremos.
A felicidade que buscamos a todo instante, se encontra dentro de nós, no nosso íntimo, na nossa alma, no nosso espírito. Ser feliz é acreditar nisso.
Quando entendermos que não precisamos mais aprender com a dor e, que podemos aprender com o amor, seremos felizes para sempre. Mas talvez nossa felicidade não seja neste mundo, pois como disse Jesus: "Há várias moradas na casa de meu Pai". Talvez nossa recompensa, ou seja, a felicidade plena, não seja neste mundo, ou talvez não estejamos prontos ainda para sermos felizes por completo, ou ainda não tenhamos o merecido. Não importa. O importante é continuar tentando ser feliz. Procurar a felicidade que está escondida no nosso interior, mesmo que para isto tenhamos que pagar o mais alto preço que é o de nos amarmos e, o mais difícil nos perdoarmos. E depois de conseguir esta proeza de nos amarmos e de praticarmos o auto-perdão, estaremos prontos para amar a todos e termos o tão esperado encontro com a felicidade e sermos felizes para sempre.
"Não creia na esterilidade e no endurecimento do coração humano; ele cede, a seu malgrado, ao amor verdadeiro; é um ímã ao qual não pode resistir, e ao contato desse amor, vivifica e fecunda os germes dessa virtude, que esta nos vossos corações em estado latente". Fénelon.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário