Páginas

quinta-feira, 21 de julho de 2016

Governo entrega nova sede do 4º Batalhão da PM Ambiental

 
O Governo do Estado entregou, na tarde desta quinta-feira (21), a nova sede do 4º Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb) (foto), localizado em São José do Rio Preto, no interior do Estado. O Governo do Estado investiu mais de R$ 1,7 milhão na construção do prédio.

A antiga sede da unidade de policiamento especializado sofreu um incêndio em 2007. O prédio foi derrubado e construído um novo imóvel, que fica no mesmo endereço do anterior – Avenida Governador Adhemar Pereira de Barros, 2.100, no bairro Vila Diniz.
"O Governo de São Paulo não mede esforços para que as nossas polícias tenham as melhores condições de trabalho e o motivo dessa solenidade é a demonstração dessa vontade", enfatizou o secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, durante o evento.

As instalações já funcionam na nova sede desde outubro do ano passado. O 4º Batalhão de Policiamento Ambiental abrange uma área de 189 municípios, com uma população de 4 milhões de habitantes.
"Essa reinauguração é de extrema importância, pois esse é um dos quatro batalhões [de policiamento Ambiental] de todo o Estado. O 4º BPAmb tem características específicas e trabalha fortemente com a temática de segurança", afirmou o coronel Rogério de Oliveira Xavier, comandante do Policiamento Ambiental.
A área onde está instalada a unidade possui 2.148,06 m² e abriga as seções administrativas do batalhão, além da 1ª Companhia e do 1º Pelotão. A sede conta ainda com refeitório, sala de aula, alojamentos, academia, campo de grama, sala de informática, garagem, depósito, alojamento, quadra, entre outros espaços.
Durante a cerimônia, Mágino também destacou a importância da reinauguração do prédio para o trabalho dos policiais. "Os homens que compõem a PM Ambiental são absolutamente preparados para o exercício de suas tarefas, mais que isso, são profissionais vocacionados, que combatem muito além da criminalidade de forma geral".

O 4º BPAmb é comandado pelo tenente-coronel Douglas Vieira Machado. A PM Ambiental é responsável pela prevenção e combate aos crimes ambientais. A unidade fiscaliza a caça e pesca, a retirada irregular de madeira, queimadas, soltura de balões, entre outros.
"Quando nossos policiais saem às ruas, carregam consigo a certeza de que devem estar atentos não só às questões ambientais, mas também de segurança pública como um todo, tanto que, durante o ano passado, realizamos mais de 260 mil abordagens e quase 13 mil bloqueios relacionados à ordem ambiental e de buscas por materiais relacionados a todo tipo de crime", concluiu o comandante da PM Ambiental.
Investimentos

O Governo do Estado investe na melhoria das condições de trabalho dos policiais. Somente neste ano, a região de São José do Rio Preto, a qual está subordinada a cidade de Santa Fé do Sul, recebeu 39 novas viaturas à Polícia Civil, que custaram R$ 2.290.400.

A Polícia Militar da área ainda foi contemplada, neste ano, com 38 novos veículos, comprados por R$ 2.961.200. A Polícia Técnico-Científica da região ganhou, desde janeiro, sete novas viaturas, que custaram R$ 612.800.
(foto Paula Vieira)

Nenhum comentário:

Postar um comentário