Páginas

segunda-feira, 11 de julho de 2016

Geneticando: difundindo e popularizando a ciência da UniJales

Daniel Zílio
De acordo com a legislação, o tripé formado pelo ensino, pela pesquisa e pela extensão constitui o eixo fundamental da Universidade brasileira e não pode ser compartimentado. Nesse sentido, a UNIJALES mostrou mais uma vez o seu comprometimento com o desafio que se coloca para todos engajados na educação que é de agregar conhecimento ao seu aluno, incentivando a pesquisa e o desenvolvimento e implementação de estratégias que possibilitem uma integração com as comunidades em seu entorno, transformando-as em participantes e protagonistas de projetos de mudança, inclusão social e desenvolvimento sustentável. A coordenadoria dos cursos de Fisioterapia, Prof. Ms Brunno H. R. Toniolli, Farmácia Prof
a. Ms Kelys Ramos e Enfermagem Profa Esp. Taisa Reche Mesquita, do Centro Universitário de Jales- Unijales, juntamente com a ministrante do projeto Profa. Ana Carolina Tomaz Tavares ,Mestre em genética e as colaboradoras Juliana Giusti, Karine Kettener e Maísa Pinheiro, PhD em genética, UNESP- Botucatu e os alunos do 1° semestre dos cursos de Fisioterapia, Farmácia e Enfermagem, promoveram nos dias 02 e 03 de julho o projeto de extensão "Geneticando: Difundindo e Popularizando a Ciência na Unijales: interação entre os alunos de graduação e o ensino básico".

O projeto tem como objetivo difundir o conhecimento científico, por intermédio da extensão universitária que são cruciais na formação intelectual e a crítica dos alunos, bem como promover a difusão e popularização da ciência e tecnologia para alunos do ensino médio fazendo com que desperte o interesse e o envolvimento do estudante do ensino médio frente àquilo que lhe é novo e bom. Durante o evento foram abordados assuntos diversos na área, desde a genética clássica com Mendel, até a genética moderna como transgenia e clonagem. Foi realizada também a tipagem sanguínea dos alunos e monitores. O projeto é realizado anualmente pelo UNIJALES e tem grande adesão por parte dos alunos do ensino médio do município.

Nenhum comentário:

Postar um comentário