Páginas

sábado, 23 de julho de 2016

Drik Barbosa apresenta seu primeiro EP no Manos e Minas

foto: Aline Afro Break, Roberta Estrela Dalva e Drica Barbosa (crédito Jair Magri)



A edição do Manos e Minas, sob o comando de Roberta Estrela D’Alva, que vai ao ar neste sábado, 23 de julho, às 19 horas, pela TV Cultura, traz a rapper Drik Barbosa, que acaba de lançar seu primeiro EP.

Conhecida no meio musical por ter produzido, em 2015, um dos melhores versos do rap nacional, registrado na música Mandume do cantor Emicida, ela já participou de outras edições do programa, porém, como acompanhante de MC. Dessa vez, a cantora vem apresentar seu primeiro trabalho solo, registrado em um EP, e o projeto Rimas & Melodias, que planeja encontros de artistas mulheres a fim de desconstruírem moldes para criar uma música forte e original.

Além disso, Drik conta também como e quando começou a se relacionar com as rimas. Desde os 14 anos de idade, seu estilo musical, marcado pelo som antigo do R&B e soul, é também regado de frases de impacto que demonstram a vivencia e os desafios que as mulheres negras enfrentam para serem aceitas no mundo do rap.

Dentre as músicas apresentadas no palco estão Rima Sim, Sem Clichê, Pra Eternizar, Banho de Chuva, Deixa eu te Levar e Não é mais você.

O programa também mostra outro projeto, chamado Jazz na Laje, feito por pessoas que tocam em igrejas das periferias de São Paulo e se reunem na laje delas para criar músicas; uma visita ao Proac Hip Hop, para explicar àqueles que não têm condições financeiras de iniciar um edital de CD, quais os procedimentos necessários; e uma entrevista feita com Djamila Ribeiro, Secretária Adjunta dos Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo, filósofa e ativista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário