Páginas

segunda-feira, 5 de junho de 2017

UTQ da Santa Casa promove conscientização no Dia Nacional de Luta contra Queimaduras


Equipe da UTQ da Santa Casa entre o painel do Dia Nacional de Luta contra Queimaduras
 
A UTQ (Unidade de Terapia de Queimados) da Santa Casa de Misericórdia de Marília promove atividade de conscientização neste 6 de junho, quando é lembrado o Dia Nacional de Luta contra Queimaduras. Livros de histórias de quadrinhos da Turma da Mônica com informações sobre prevenção estarão sendo distribuídos no hospital e café da manhã oferecido aos pacientes do setor, familiares e acompanhantes.
"Os casos que atendemos em nossa unidade são diversos. Temos acidentes domésticos, acidentes de trabalho, queimaduras provocadas por álcool e outras causadas por água, leite e gordura quentes", comentou a enfermeira responsável pelo setor, Regina Pinto da Silva.
De acordo com a profissional da UTQ, as crianças e os adolescentes correspondem à maioria das internações. "Temos oito leitos disponíveis, controlados pelo CROSS (Centro de Regulação de Ofertas de Leitos de Serviços Saúde). A nossa unidade é referência no Estado de São Paulo".
 
Livros de histórias de quadrinhos com informações sobre prevenção estarão sendo distribuídos no hospital
 
Com atendimento 100% via SUS (Sistema Único de Saúde), a UTQ da Santa Casa de Marília está estruturada para receber pacientes com queimaduras de primeiro, segundo e terceiro graus.    
O período de internação dos pacientes na unidade costuma ser longo. "Grande parte dos atendidos fica pelo menos 30 dias. No momento, tem um jovem que está internado há quase um ano no hospital".
Para  eliminar o tempo ocioso durante o período de internação, Oficina Terapêutica é realizada na UTQ da Santa Casa. Pulseiras, toucas, tapetes e filtros dos sonhos [objetos que possuem uma simbologia, acreditando-se que pendurados no quarto podem trazer bons sonhos às pessoas] vêm sendo produzidos pelos pacientes. 
Crochê é ensinado para conter a ansiedade dos pacientes. Os próprios funcionários compram os produtos e com este dinheiro é adquirida lã para aumentar a produção.
 
A enfermeira responsável pelo setor, Regina Pinto da Silva: "A nossa unidade é referência no Estado de São Paulo"
 
A UTQ da Santa Casa conta com os médicos Hugo Carrasco e Marcelo Santili como responsáveis pelos atendimentos adulto e infantil, respectivamente. A equipe tem sete profissionais de enfermagem, entre enfermeiras, auxiliares e técnicos. 
A unidade oferece ainda suporte com trabalho integrado a diversos setores do hospital como: Fisioterapia Motora, Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional, Comissão de Cuidados com a Pele, Psicologia, Psiquiatria, Nutrição, Pedagogia e Serviço Social.
No caso de pacientes matriculados em escolas, acompanhamento é realizado com pedagoga, que aplica as tarefas, trabalhos e provas. "Isso se faz necessário, pois se a criança ou adolescente fica internado um ano aqui perde todo este tempo no seu desenvolvimento escolar", salientou a enfermeira Regina.
Voluntários também atuam na UTQ da Santa Casa, como são os casos dos Contadores de História e dos Plantonistas Por Amor.
Fonte: Assessoria de Imprensa - www.santacasamarilia.com.br  

Nenhum comentário:

Postar um comentário