Páginas

sábado, 10 de junho de 2017

Formação e Espiritualidade marcou encontro de Coordenadores Paroquiais da Pastoral da Pessoa Idosa

 
No sábado, dia 3 de junho, a Pastoral da Pessoa Idosa realizou na Cúria Diocesana o seu encontro para Coordenadores Paroquiais, encontro com o intuito de formar e fortalecer a espiritualidade da missão daqueles que se dedicam arduamente nas ações pastorais.

"Neste encontro, além de se trabalhar a espiritualidade, onde os coordenadores são preenchidos pelo amor de Deus, embora renovados, eles também recebem formação, levando materiais com orientações de como utilizar, sendo um encontro de suporte, um encontro em que a pessoa sai bem, feliz, preenchido e com um material para trabalhar bem em sua comunidade. " Relatou a Coordenadora Diocesana da Pastoral da Pessoa Idosa, Evanir de Paula Bernardes.

Participou deste encontro os coordenadores de 22 paróquias que possuem as ações da Pastoral da Pessoa Idosa, e junto com eles um amigo, que dá suporte e auxilio nos trabalhos comunitários.

"Com o número crescente dos idosos, não só em nossas cidades, mas também em nosso pais, as famílias muitas vezes não estão preparadas para cuidar dos idosos, e o papel da pastoral é isso, orientar como se cuidar de um idoso, e trazer o idoso para a sociedade, pois, muitas vezes eles se sentem isolados dentro de suas casas. O idoso é muito importante para a sociedade, ele traz a história da sua cidade, e ainda é um agente de cidadania, ainda tem muita coisa para se fazer, mostrando aos jovens sua história, e que se estamos nesta sociedade hoje é porque os idosos estiveram antes de nós. " Afirmou a Assessora Diocesana da Pastoral da Pessoa Idosa, Júlia de Lara Franco Fassa.

A Pastoral da Pessoa Idosa

A Pastoral da Pessoa Idosa tem por objetivo assegurar a dignidade e a valorização integral das pessoas idosas, através da promoção humana e espiritual, respeitando seus direitos, num processo educativo de formação continuada destas, de suas famílias e de suas comunidades, sem distinção de raça, cor, profissão, nacionalidade, sexo, credo religioso ou político, para que as famílias e as comunidades possam conviver respeitosamente com as pessoas idosas, protagonistas de sua auto realização, por meio das seguintes atividades:

I – Promover o desenvolvimento físico, mental, social, espiritual, cognitivo e cultural dos idosos;

II – Promover o respeito à dignidade e à cidadania das pessoas idosas, colaborando para a divulgação e implementação do Estatuto do Idoso - Lei nº.10.741, de 1º de outubro de 2003;

III – Promover o convívio das pessoas idosas com as demais gerações, estimulando uma velhice ativa e buscando uma longevidade digna;

IV – Estimular e respeitar a espiritualidade das pessoas idosas;

V – Valorizar a história de vida, as experiências, o ser biográfico, a sabedoria adquirida ao longo da vida de cada pessoa idosa, respeitando-a como guardiã da memória coletiva;

VI – Capacitar agentes de pastoral para o acompanhamento das pessoas idosas nas visitas domiciliares e nas outras atividades complementares afins;

VII – Organizar redes de solidariedade humana nas comunidades e nos diferentes níveis para promover o bem-estar dos idosos;

VIII – Incentivar a criação e participação nos conselhos de direitos do idoso em todos os níveis;

IX – Realizar parcerias, somando esforços com outras pastorais, comunidade científica, associações de geriatria e gerontologia, organizações de defesa dos direitos dos idosos, de assistência social e outras entidades afins;

X – Manter um sistema de informação sobre a situação das pessoas acompanhadas;

XI – Democratizar notícias e informações sobre os idosos nos meios de comunicação social;

XII – Promover esclarecimentos sobre os preconceitos contra as pessoas idosas, a fim de que sejam superados;

XIII – Somar esforços com iniciativas de educação continuada para cuidadores de idosos;

XIV – Valorizar a vida até sua fase final, apoiando os programas de cuidados paliativos, que assegurem o caráter espiritual da existência humana. (por Edivaldo Mella Janasco)

Nenhum comentário:

Postar um comentário