Páginas

sábado, 10 de junho de 2017

Brasil

Flávio Rodrigo Masson Carvalho Professor do UNIBAVE
– Orleans - SC equilibriumtc@hotmail.com



Tanta violência, corrupção, um caos na saúde, desemprego tomando proporções assustadoras, nossas industrias sucateadas, a educação nunca esteve tão ruim, o brasileiro está com a auto-estima baixa demais, a depressão é companheira do povo brasileiro, o medo está em todas as esquinas, em todos os rincões deste país, e mais violência e mais corrupção. Onde vamos parar? Não sei responder!
Com toda esta bagunça em nosso país, com a mais vergonhosa e extensa crise política que vivemos, a qualidade de nossos políticos, e não conseguimos acreditar em nenhum deles. Até quando? Não sei!
Mas temos coisas mais importantes para discutir, para focarmos, o campeonato brasileiro, as novelas da televisão, os jogos da seleção, as fofocas nossas do dia-a-dia!
Enquanto isso, mais violência, mais corrupção, e o povo brasileiro, que é muito pacífico, porém muito passivo demais, continua vibrando com o campeonato brasileiro com as novelas, com os jogos da seleção, e assim vai...
A crise está feia! Estamos cada vez mais pobres. A mídia nos bombardeia com as maravilhas da modernidade que o dinheiro pode comprar, mas estamos cada vez mais pobres, a falta de dinheiro é cada vez maior.
Desemprego! Falências! Concordatas! Fulano quebrou! Beltrano faliu! Um médico trabalha muito mais para ganhar metade do que ganhava alguns anos atrás. Advogados vendendo cachorro quente. Publicitários abrindo lanchonete. Engenheiros vendendo verduras nas feiras. E o pobre? Cada vez mais pobre!
Com esta crise, aprendi a dar valor nas coisas simples da vida. Aprendi a tirar prazer das coisas mais singelas. Com esta crise estou aprendendo a me amar mais, a me perdoar mais e, assim posso amar mais o próximo, sendo muito mais verdadeiro e feliz.
Toda mudança começa por nós mesmos!
Comece a mudar a sua vida. Comece pelas coisas simples, pouco a pouco, mas com constância, com determinação.
Se quisermos mudar este país, temos que ser menos passivos, temos que tomar atitudes! Temos que eleger melhor nossas prioridades, tais como: a saúde, a segurança pública, a educação, o desemprego. Temos que dar um basta!
Continuar a sermos pacíficos, porem deixarmos de ser passivos demais!! Eu estou ficando cansado de não tomar atitudes! Estou cansado de engrossar as fileiras dos passivos!
Temos que começar a fazer algo por este país! Agora! Não podemos esperar mais!
Os corruptos estão agindo, e como nunca!
Estão trabalhando dia e noite para nos roubar! E nosso povo cada vez mais paralisado, "entorpecido"! Todos os dias a violência leva várias vidas, mais seres humanos terão suas vidas ceifadas pela violência maldita!
Ainda acredito que o que está acontecendo no Brasil, é um "TUMOR", e como tal precisa ser expurgado para se curar, ou seja, precisa ser limpo.
Ainda acredito que estamos passando por um momento de limpeza, onde toda sujeira e podridão estão aparecendo para serem extirpadas.
Mas a limpeza depende de nós, somente o povo unido poderá promover tal limpeza!
A ferida é enorme, profunda, deixará enorme cicatriz, mas essa ferida poderá ser curada, depende de nós, de nossa vontade.
Precisamos tomar atitudes! Não aceitar mais esta situação caótica e desesperadora em que nos encontramos. Temos que lutar! Juntos! Unidos! Sem partidos! Sem políticos! Temos que tomar as rédeas deste nosso país!
Ou deixamos de ser tão passivos, ou vamos ser escravizados, cada vez mais!
Diz aquela máxima: "Brasil, ame-o, ou deixe-o", eu digo: Brasil ame-o, e limpe-o!
Como disse o Dr. Martin Luther King para pensarmos, e agir: O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário