Páginas

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Em Campo Grande, ministro participa de debate sobre políticas públicas em esporte

O ministro do Esporte, Leonardo Picciani, participou nesta segunda-feira (08.05), em Campo Grande-MS, do seminário de criação do Sistema Municipal de Esporte e Lazer da capital sul-mato-grossense. O evento, realizado pela prefeitura em conjunto com a Câmara Municipal, debateu a estruturação de uma política pública no setor e a promoção da participação da sociedade.
O seminário tratou de temas como a influência dos sistemas nacionais de Esporte e de Cultura na concepção do Sistema Municipal de Campo Grande, o financiamento de esporte e lazer e o papel da população nas discussões da área. A nova política municipal será construída nos moldes dos sistemas já existentes ou em fase de debates, como o Sistema Nacional do Esporte (SNE), que tem a missão de organizar os entes públicos, privados e do terceiro setor, de forma articulada e integrada, para promover e fomentar políticas esportivas para toda a população brasileira.
Foto: Francisco Medeiros/ME
Foto: Francisco Medeiros/ME
Também estiveram presentes a vice-governadora do Mato Grosso do Sul, Rose Modesto; o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad; o presidente da Câmara Municipal, João Rocha; o diretor-presidente da Fundação Municipal do Esporte (Funesp), Rodrigo Terra; vereadores; deputados estaduais e federais.
O ministro Leonardo Picciani elogiou a iniciativa de Campo Grande e destacou que o Sistema Municipal vai definir uma política permanente e pode servir de base para outras cidades no Brasil. "Um caminho para o fortalecimento das políticas do esporte é o que Campo Grande está propondo hoje. Com uma proposta perene, com a participação de todos, com mecanismos de financiamento já definidos e priorizados. Isso deve ser reproduzido por todo país", afirmou. "O Ministério será parceiro de Campo Grande e do Mato Grosso do Sul na promoção das políticas de esporte e na reforma dos parques. Hoje estamos aqui como Partido do Esporte, que supera dificuldades, aceita desafios e traz esperanças para o nosso país", concluiu.
Para a vice-governadora do estado, Rose Modesto, é fundamental que as pessoas que mais entendem das necessidades da po1pulação participem da elaboração do Sistema Municipal. "Acima de tudo precisamos reflexão de que temos que ter a humildade de contribuir com o novo modelo e incluir quem está na base a participar dos debates, pois são eles que sabem dos verdadeiros desafios do setor", argumentou.
O prefeito de Campo Grande ressaltou a importância de todos os que participam da construção do Sistema Municipal e reforçou que o trabalho desenvolvido na cidade existe pela força de vontade da população. "Hoje, além do debate da criação de um sistema municipal de esporte e lazer, estamos aqui, na presença do ministro do Esporte para pedir ajuda financeira para reconstruir estes parques para o bem da população", solicitou Trad.
Para o diretor-presidente da Fundação Municipal do Esporte (Funesp), Rodrigo Barbosa Terra, a criação de um sistema municipal de esporte vai possibilitar a criação de políticas não mais apenas de gestão, mas de estado. "Esse é um novo momento da política de esporte de lazer do nosso município. A partir de agora, teremos definidos o financiamento da gestão de políticas públicas e também os compromissos de cada um dentro do Sistema", explicou Terra. "Vamos desenvolver políticas que irão representar e atender aos anseios da população. As ações deixam de ser pensadas por uma gestão imediatista e passa para um planejamento a longo prazo", afirmou.

Foto: Francisco Medeiros/ME
Foto: Francisco Medeiros/ME
De acordo com o presidente da Câmara Municipal, João Rocha, o evento desta segunda-feira joga luz sobre o momento de se repensar a importância do esporte em todas as suas formas, na qualidade de vida, saúde, em todas as suas manifestações. "Estamos assumindo a responsabilidade de avaliar esse sistema, que dá o seu primeiro passo iniciando uma construção para o futuro. Hoje se torna um marco histórico para nossa cidade, tenho certeza que vai irradiar para outros municípios do Estado e do país, e também para os governos estaduais", avaliou.
Parque Ayrton Senna
Após o evento na Câmara Municipal o ministro do Esporte visitou o Parque Ayrton Senna, localizado na região sul da capital do estado. Picciani passou pelas piscinas, pela sala de musculação, pelas quadras poliesportivas e pelo local onde será a pista de atletismo. "Há cerca de 40 dias, o prefeito de Campo Grande apresentou um projeto ao Ministério para a recuperação de parques na cidade. A proposta está em análise na área técnica e em breve estimaremos os recursos para um convênio com a prefeitura de Campo Grande", explicou o ministro.
Rafel Brais – Ministério do Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário