Páginas

sábado, 4 de março de 2017

Pior saldo desde 2007

Pelo quarto mês consecutivo, o setor de serviços no Estado de São Paulo apresentou saldo negativo de funcionários. Em dezembro, foram eliminados 74.293 postos de trabalho, resultado de 125.393 admissões contra 199.686 desligamentos. Na comparação com o mesmo mês de 2015, ainda que ambos os saldos sejam negativos, houve uma ligeira melhora dos números do setor. Em dezembro de 2015 foram 84.383 empregos perdidos, sendo este o maior saldo de vagas eliminadas no último mês do ano desde o início da série histórica, em 2007.

No acumulado dos 12 meses de 2016, o saldo ficou negativo em 130.511 empregos, o pior resultado da série histórica iniciada em 2007. Esse é o segundo resultado negativo consecutivo para o acumulado de um ano já que em 2015 houve uma perda de 106.833 postos de trabalho com carteira assinada. Com isso, o estoque ativo de trabalhadores de dezembro deste ano, na comparação com o mesmo mês do ano passado, registrou queda de 1,8%, fechando o ano com estoque total de 7.294.116 empregados no setor de serviços paulista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário